Blog do Desemprego Zero

Fortaleza investe para incluir mais passageiros

Posted by imprensa2 em 31 agosto, 2007

GAZETA MERCANTIL – 30.08.2007

Wagner Oliveira São Paulo, 30 de Agosto de 2007 – Obra orçada em US$ 180 milhões vai incluir 45 km de corredor exclusivo para ônibus. A Prefeitura de Fortaleza (CE) publicou ontem em jornais do País edital de obras do Programa de Transporte Urbano de Fortaleza, o Transfor. Num acordo inédito para o município, 60% dos US$ 180 milhões do projeto estão garantidos pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O restante caberá à prefeitura, que pretende mudar a cara da capital do Ceará ao priorizar o transporte público em detrimento do individual.Pensado há dez anos, o Transfor vai possibilitar a construção e adptação de 82 quilômetros de vias – sendo 45 quilômetros de corredores – sete terminais, que pretendem integrar não só os ônibus, vans e microônibus, como também transporte não motorizado, principalmente bicicletas.Os novos terminais terão bicicletários e a prefeitura estuda alugar bicicletas, medida recentemente adotada pela Prefeitura de Paris. Além dos atuais 42 quilômetros de ciclovias, serão construídos mais 30 quilômetros. O edital dá as normas para a construção da primeira fase, dividida em dois lotes. Em dois anos, a prefeitura quer entregar os primeiros 45 quilômetros de vias, além de fazer o alargamento e restauração de áreas.

De acordo com o coordenador do Transfor, Daniel Lustosa, o objetivo é ampliar em 15% os usuários do transporte público em Fortaleza, atualmente estimado em 1,2 milhão de passageiros por dia. O programa prevê também a compra, pela iniciativa privada, de 200 ônibus articulados com ar condicionado para operar nos corredores, que terão baias de embarque e desembarque do lado direito das vias. Os ônibus que vão operar nos corredores terão piso baixo para facilitar o acesso. “Além de se tratar de um projeto estruturante, o BID aprovou o empréstimo porque prevê a inclusão dos mais pobres ao sistema”, afirmou Lustosa. “Prioritariamente, pretendemos incluir pessoas que hoje andam a pé e também os que se utilizam do automóvel“.

A prefeita Luizianne Lins (PT) espera que as obras comecem em janeiro. Até lá, serão conhecidas as empresas vencedoras da licitação. Os primeiros trechos de corredores e construção e reforma de terminais começam a ser entregues a partir de 2008. Ainda no ano que vem e 2009, a prefeitura licitará os outros dois lotes do Transfor.

Fortaleza tem 4 km de corredores, que operam de modo precário com fluxo na contramão. A operação apresenta riscos e não resolve os problemas. A velocidade dos ônibus em Fortaleza atualmente é de 16 km/h. Com o novo sistema, atingirá até 22 km/h. “Com 2,2 milhões de habitantes, Fortaleza está numa fase em que, se não houver planejamento, vai se encaminhar para um trânsito caótico”, diz Lustosa. A cidade tem frota estimada de 450 mil veículos, com crescimento entre 6% e 7% ao ano.

O Transfor prevê operação em todas as direções da cidade. Por ser programa estruturante, ainda prevê programas de informação e interação com a comunidade. A educação ambiental não estará esquecida, com monitoramento ambiental. O objetivo é manter a passagem a R$ 1,60, tarifa que vigora desde 2004. Para manter o lucro da iniciativa privada sem recorrer a subsídio, a prefeitura baixou de 4% para 2% o ISS.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: