Blog do Desemprego Zero

Ferrovias dobram produção

Posted by NOSSOS AUTORES em 7 abril, 2008

Publicado em: Logística e Transportes

Por José Augusto Valente*

As ferrovias de carga do país fecharam 2007 com a produção recorde de 257,4 bilhões de TKU, com aumento de 10,8% em relação a 2006 e 104,5% maior que os 137,2 bilhões de TKU de 1997, primeiro ano após as concessões da malha ferroviária do Brasil.

Para 2008, a expectativa é manter o ritmo e crescer 9%, subindo a produção para cerca de 280,6 bilhões de TKU. “A projeção para este ano pode ser considerada até conservadora”, afirma o diretor-executivo da ANTF, Rodrigo Vilaça. Ele se refere ao aumento no percentual de crescimento anual, que subiu de 5,8% em média, entre 1997 e 2006, para 11% este ano.

Os investimentos das operadoras e o crescimento da demanda pelo transporte sobre trilhos foram os principais fatores para os bons resultados de 2007, na opinião de Vilaça.

Entre 1997 e 2007, as operadoras privadas investiram junto um total de R$ 14,4 bilhões em melhorias e aquisições de material rodante, novas tecnologias, capacitação de pessoal, entre outros.

Em 2008 os planos são de aplicar R$ 2.585 bilhões, perto, portanto, dos R$ 2,597 bilhões do ano passado.

No dia 21 de novembro de 2007, publicamos um post a partir de matéria do Estado de São Paulo, intitulada “ Sem ferrovias, rodovias, hidrovias e portos“.

Nós, como sempre fazemos com matérias com erros grosseiros, adicionamos um “(será?)” e apontamos esses erros.

Nos últimos dias temos postado muita coisa sobre portos.

Vale à pena ler de novo o que escreveu o Estadão, o nosso post na ocasião e este atual.

Este, com o “timbre” da ANTF (associação das concessionárias de ferrovias), mostra com números que o que se diz sobre “apagão logístico” não passa de uma grande falácia.

A esperança é que, de tanto repetir, as inverdades prevaleçam.

Infelizmente, para a Oposição, a sociedade enxerga o que está acontecendo de fato, e nem dá bola para esses discursos falaciosos.

*José Augusto Valente: engenheiro e trabalho há 35 anos na área de transportes. Fui Presidente do DER-RJ em 2002 e titular da Secretaria de Política Nacional de Transportes, do Ministério dos Transportes, no período de maio/2004 a junho/2007. Atualmente atuo como Consultor em Logística e Transporte.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: