Blog do Desemprego Zero

SENTIR

Posted by NOSSOS AUTORES em 8 abril, 2008

Por Maria de Fátima de Oliveira*

Sentir a vida! Saborear cada momento!

Pisar o chão, senti-lo firme sob os pés

E agradecer o privilégio de estar vivo!

Deixar o olho se embeber de aurora,

Mergulhar no azul, passear nas cores do arco-íris

E deixar-se transformar por elas,

Tornando-se luz,

Iluminando becos escuros,

Onde se escondem desejos inconfessados,

Ou sentimentos de ternura ímpar,

Jamais expressos e sinalizados.

Tornar-se arco-íris,

Sinal de uma aliança nova entre o céu e a terra,

Entre o humano e o divino,

O ínfimo e o imenso,

O calmo e o hipertenso,

O velho e o menino…

Embriagar-se do verde das montanhas,

Cheirar a flor, sorver o seu perfume,

Tal colibri, que as beija sem cortá-las…

Sentar-se e contemplá-las,

Deixando a alma inebriar-se de beleza.

E num rompante de divino enlevo,

Abrir os braços para o diferente,

Abraçando-o num êxtase amoroso,

No qual se fundem alma, corpo e mente.

Sentir a maciez de uma outra pele,

Ouvir o som diverso de outra voz,

E deixar palpitar o coração ao ritmo de um outro,

Conjugando-se a ele numa sinfonia desconhecida…

Sair da solidão original do EU,

Mergulhando no sonho de construir o NÓS.

Sonho jamais realizado plenamente,

Porque todo ser vivo carrega um mistério impenetrável!

Mas, talvez por isso mesmo,

Utopia da qual ninguém desiste.

E sermos NÓS em escala globalizada,

Sem exclusões, privilégios, preconceitos,

Ouvindo e acolhendo o diferente,

Sem abrir mão de ser o que nós somos,

Mas contemplando em cada ser vivente

Uma expressão da vida,

Una e múltipla, imprevisível, criativa,

Que se dá, generosa, a quem a viva,

Qual fruto a ser plantado e cultivado,

Para entregar-se em saborosos pomos.

* Maria de Fátima de Oliveira: natural do Ceará, veio para o Rio aos 26 anos, filiada a uma instituição religiosa. Na PUC-Rio, fez Licenciatura em Filosofia e Mestrado em Educação. Começou a trabalhar na área de jornalismo em 1976, na Pesquisa do Jornal do Brasil. Depois, na Secretaria de Comunicação Social do ex-BNH e, por último, na TVE. É autora de poemas, letras de cânticos religiosos e do livro inédito Labirintos de Areia.

Meus artigos

Contato: oliveirafatima13@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: